Por Felipe Ribeiro e Luiz Henrique de Oliveira

Um suposto toque de recolher promovido por traficantes na comunidade do Xapinhal fez comerciantes fecharem as portas mais cedo nesta terça-feira (15). De acordo com o relato dos mesmos, a disputa de tráfico na região teria provocado esta ação. O Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Xapinhal 2 também encerrou as atividades mais cedo devido ao forte boato que circulava na região.

Segundo os relatos, várias pessoas comentam sobre a situação na região, mas ninguém confirma que de fato haja um toque de recolher. A Banda B entrou em contato com comerciantes da região e, enquanto alguns confirmam o boato, outros dizem não saber de nada. O aviso, segundo comerciantes, teria partido em retaliação à morte de um traficante.

Em nota, a Prefeitura de Curitiba confirmou que o CMEI Xapinhal 2 encerrou as atividades mais cedo nesta terça-feira em razão de informações que circulavam na comunidade sobre um suposto toque de recolher na região, felizmente até agora não comprovadas. Foi uma medida de precaução tomada pela direção da unidade e do núcleo regional de Educação diante da preocupação manifestada por funcionários e moradores das redondezas.

A Polícia Militar, por sua vez, reforçou o número de policiais no local e realiza uma patrulha preventiva. Policiais a paisana conversaram com comerciantes e até o momento o boato não foi confirmado.