Da Redação

O skinhead Fernando Sant’ana foi condenado a 16 anos de prisão em regime fechado, sendo descontados os três anos e 11 meses em que esteve encarcerado, pelo assassinato de Lucas Augusto de Carvalho, de 18 anos. O Tribunal do Júrí (TJ) decidiu, nesta segunda-feira (11), pela condenação ao crime que aconteceu em setembro de 2010, no bairro São Francisco, em Curitiba.

O crime aconteceu quando Lucas saía de um shopping na região. De acordo com o que consta no inquérito policial, um grupo de skinheads confundiu Lucas com um membro de um grupo de punk rivais. Lucas foi covardemente assassinato.

Outros condenados

Fernando é o segundo condenado pelo crime. O primeiro foi Gabriel Oliveira Cata Preta, de 23 anos, em julgamento que aconteceu em 2013. Ele foi condenado a 14 anos de prisão. Um terceiro envolvido no caso ainda não foi julgado e não há data prevista, já que a Justiça espera o resultado de um teste de sanidade mental.