Da Polícia Civil

Foto: Antônio Nascimento - Banda B

Foto: Antônio Nascimento – Banda B

O Centro de Operações Policiais Especiais (Cope) prendeu, na última terça-feira (2), um homem que estava foragido da Justiça desde 1995. Cláudio Tavares de Campos, 47 anos, é carioca e entre 1991 e 1995 ficou preso no Complexo Penitenciário de Bangu pelo crime de extorsão mediante sequestro. Na tarde desta terça, ele foi preso no Jardim Paloma, em Colombo, por policiais do Cope, após ficar escondido por 18 anos rodando pelas cidades da Região Metropolitana de Curitiba (RMC).

O delegado titular do Cope, Amarildo José Antunes, contou que Campos foi condenado a 18 anos de prisão e como cumpriu quatro anos e estava foragido há 18 já poderia estar livre. “Em 1991 ele e sua quadrilha sequestraram o filho de um médico em Niterói-RJ. Então tentaram extorquir o médico e acabaram presos. Campos ficou até 1995 em Bangu e depois fugiu, nunca mais tendo sido encontrado”, contou o delegado.

Antunes explicou que aparentemente o homem levava uma vida normal no Paraná. Ele virou empresário do ramo de bebidas. “Nós descobrimos que ele estava no Paraná, o prendemos e agora vamos mandá-lo de volta para o Rio de Janeiro. Mesmo assim vamos continuar as investigações para verificar se realmente ele tinha mudado de vida ou se continuava praticando crimes aqui, podendo inclusive ser o braço de alguma organização criminosa carioca no Paraná”, salientou Antunes.

Interrogado, Campos contou à polícia que em todo esse tempo que estava foragido ele sempre andava sem documentos para não ser reconhecido. “Ele disse que nunca andava sozinho. Quando era abordado alguém sempre dizia que ele era o ‘seo’ Cláudio, dono do comércio de bebidas”, contou o delegado