O churrasco na casa de amigos no feriado do Dia do Trabalho foi o último na vida de Waldiney de Matos Araujo, 19 anos, morador da Vila Pantanal, no Alto Boqueirão em Curitiba. Ele foi morto a tiros por um homem ainda não identificado, por volta das 20 horas. Os pais estavam em casa e ouviram os disparos que atingiram o jovem.

A vítima saiu de casa dizendo que iria aproveitar o feriado em um churrasco com os amigos. Horas depois, os pais ouviram disparos e receberam informação de que o filho tinha sido baleado. O crime aconteceu na Rua Cleverson de Paula. Oswaldo e Sirene Araújo, pais da vítima, disseram não ter ideia do que pode ter acontecido.

“Não tenho ideia por que mataram meu filho. Ele trabalhava com reciclagem e não tinha envolvimento com a criminalidade. Ele disse que vinha na casa de um amigo e depois de algum tempo ouvimos os tiros. Não quis acreditar quando meu outro filho entrou em casa dizendo que tinham atirado nele”, descreve os pais.

O corpo do jovem foi encaminhado ao Instituto Médico Legal de Curitiba. A Delegacia de Homicídios investiga o caso.