Um jovem de 25 anos não resistiu aos, pelo menos, dez tiros que foram dados contra ele na noite desta quarta-feira (30), em Colombo, região metropolitana de Curitiba. Andrews Manoel Lima Bueno chegou a ser levado por amigos dele até a Unidade de Saúde do Alto Maracanã, mas morreu ao dar entrada no Pronto Socorro. Ele teria sido atingido por um homem que estava em um Renault Logan. Bueno tem passagens pela polícia.

De acordo com as informações repassadas à Guarda Municipal, que atendeu à ocorrência, Bueno estava dentro do carro dele – um Astra, parado na rua Gustavo Kabitschke, no bairro Campo Pequeno, quando alguns ocupantes de um Renault Logan pararam ao lado dele. De acordo com depoimentos, o atirador desceu do veículo, atirou várias vezes contra o jovem e depois fugiu. Amigos da vítima que estavam nas proximidades ainda tentaram socorrer o rapaz.

De acordo com o guarda municipal Ceccon, a vítima é conhecida como ‘Rato’ e os próprios familiares preferiram manter o silêncio a falar com a polícia. “Já levantamos que ele tem passagens pela polícia, mas o motivo do crime ainda está sendo investigado”, disse. A Delegacia do Alto Maracanã investiga o crime.

São José

Um jovem identificado como Helber Rodrigues da Silva, 19 anos, foi encontrado caído no meio da rua na noite desta quarta-feira (30) em São José dos Pinhais, região metropolitana de Curitiba, depois de levar dois tiros. O fato foi registrado na rua Marlene Veiga da Rosa, no Jardim Fabíola, região da Planta São Marcos. Socorrido pelo Siate foi constatado que ele levou um tiro no pescoço e outro na cabeça. Em estado muito grave o jovem foi transportado até o Hospital Nossa Senhora do Rocio, em Campo Largo.

No local em que o jovem foi baleado ninguém soube contar a polícia quem teria atirado contra ele e nem os motivos do crime foram revelados aos policiais. A Delegacia da Planta São Marcos deve assumir as investigações sobre o crime para descobrir quem atirou contra o rapaz e quais seriam os motivos dos disparos.