Da Redação com UOL

Um racha realizado na madrugada desse sábado (28) deixou seis mortos e dois feridos, em Mogi das Cruzes, no estado de São Paulo, depois que os motoristas perderam o controle dos carros. O condutor do Chevrolet Monza invadiu o acostamento e atropelou oito pessoas, ferindo uma levemente e outra que ainda está no hospital. À Polícia Civil, o motorista disse que teria bebido “só duas garrafas de cerveja”.

Segundo a polícia da cidade, Reginaldo Ferreira da Silva, 40 anos, foi preso em flagrante. O motorista do Fiat Palio também perdeu o controle do veículo durante a corrida, mas conseguiu recobrar o controle e fugiu.

Seis com idade entre 13 e 22 anos morreram na hora e outras duas ficaram feridas. Segundo a Polícia Civil, três das vítimas eram da mesma família. Segundo a polícia, Silva conduzia o veículo a 140 km/h, segundo consta no velocímetro, que ficou travado depois do acidente, em uma avenida em que a velocidade máxima permitida é de 50 km/h.