Por Elizangela Jubanski

delegacia

Ao todo, a delegacia de Fazenda Rio Grande abriga 25 pessoas e um adolescente, que ficam distribuídos entre celas e banheiros. Foto: O Repórter

Onze presos que estão detidos em uma das celas da Delegacia de Fazenda Rio Grande, na região metropolitana de Curitiba, se rebelaram na manhã desta quinta-feira (15). Eles conseguiram quebrar uma porta de aço e invadiram outros locais da delegacia. O espaço serve para abrigar dois presos, mas está superlotado. A Polícia Civil e Militar estão no local e nenhum conseguiu escapar.

Segundo o delegado Fabio Machado dos Santos, que está no comando da delegacia há dois anos, a reivindicação dos presos é quanto à transferência para o sistema prisional. “Foi por volta das 11h30 que eles conseguiram quebrar a porta. Eles querem remoção para o sistema prisional, reclamam das condições sub-humanas de custódia deles, visto que o espaço é para dois e tem mais de dez presos em uma cela. Foi pedido ao Depem a remoção imediata desses presos aqui, agora estamos aguardando apoio para fazer uma intervenção e prender os presos de novo, já que estão soltos em uma sala aqui da delegacia”, descreveu, em entrevista à Banda B.

Ao todo, a delegacia de Fazenda Rio Grande abriga 25 pessoas e um adolescente, que ficam distribuídos entre celas e banheiros. “Eles começaram a bater na porta até ela quebrar. Eram para ter dois e tinham onze. Agora é impossível continuarmos abrigando, precisamos removê-lo a outras delegacias ou irem para a penitenciária”, finalizou o delegado.

Até o fechamento da reportagem os presos continuavam em um espaço, soltos, aguardando decisão da Justiça.