Por Juliano Cunha

Os dois policiais que estavam de plantão na noite desta sexta-feira (6) na Delegacia de Polícia de Piraquara, na região metropolitana de Curitiba, cuidando de 51 presos, conseguiram evitar o que seria uma fuga em massa. Alguns detentos foram flagrados serrando as grades superiores de uma das alas, por onde pretendiam escapar.

Mesmo em menor número eles conseguiram conter os presos e em seguida pediram apoio do COPE (Centro de Operações Policiais Especiais) da Polícia Civil. Em seguida um procedimento padrão foi adotado: todos os detentos foram retirados das celas e uma revista minuciosa em busca de serras, drogas e até algum material que pudesse ser utilizado como arma.

A tentativa de fuga foi descoberta no início da noite e o procedimento policial se aproximou da madrugada. Ocorrida um dia depois do superintendente de Campo Largo ser assassinado enquanto cuidava de presos, a tentativa fuga aumentou a insatisfação da classe com o sistema, fato visível durante a busca da Banda B por informações do caso.