Da Redação com Polícia Civil

Um homem de 36 anos, suspeito pela morte de Hélia Maria Camargo, de 40 anos, ocorrida em novembro do ano passado no bairro Cajuru, em Curitiba, foi preso na manhã da última quinta-feira (26), no momento em que chegava em sua residência no bairro Capão da Imbuía. O trabalho foi realizado pela Divisão de Homicídios de Proteção à Pessoa (DHPP).

De acordo com informações levantadas pela equipe, o crime ocorreu no dia 08 de novembro de 2016, por volta das 23 horas, no bairro Cajuru, onde a mulher foi encontrada morta, com as mãos atadas em uma praça, próximo a sua residência.

A polícia acredita que o crime tenha sido motivado por razões passionais. Abrãao Alex de Oliveira Cordeiro e a vítima mantinham um relacionamento extraconjugal há cinco anos– pois ele é oficialmente casado com outra mulher.

O delegado da 2ª Delegacia de Homicídios (DH), Cássio André Dias Conceição, ressaltou que em oitivas testemunhas afirmaram que o homem já teria agredido a vítima diversas vezes em outras situações e que as brigas do casal estavam violentas nos últimos tempos.

O suspeito não reagiu a prisão, assume o envolvimento extraconjugal com a vítima, porém nega qualquer envolvimento com o crime. O homem responderá por feminicídio, se condenado poderá pegar até 12 a 30 anos de prisão.

Notícia Relacionada: