Por Elizangela Jubanski e Danaê Bubalo

Três jovens foram presos na tarde desta segunda-feira (3) acusados de tráfico de drogas em Curitiba. A Polícia Militar (PM) montou um esquema tático para flagrar o momento da entrega de 50 ecstasy e depois de cerca de mais mil comprimidos. Rafael Carlos de Castro, 23 anos, Jean da Costa Silva, 23 anos, Antônio Aristeu Chagas Neto, 24 anos, foram presos em flagrante.

A denúncia aconteceu por volta das 15 horas. A informação era de que, no fim da tarde, um rapaz estaria se preparando para repassar uma boa quantidade de drogas para um outro elemento em um posto de combustíveis, no bairro Santa Felicidade.

Castro e Silva foram pegos em flagrante por uma dupla de policiais, que encontraram 50 comprimidos de ecstasy com os suspeitos. Questionado, Castro contou que comprou a droga de um fornecedor, no bairro Xaxim. Nessa residência, de Neto, os policiais encontraram 1.014 comprimidos e 23 gramas da droga, além de R$ 1,6 mil.

Neto não contou para a polícia de onde comprava a droga sintética. De acordo com o capitão Kredens, da Polícia Militar, o golpe aos traficantes foi avaliado em cerca de R$ 50 mil. “Recebemos uma denúncia de que esse homem faria uma entrega da droga em um posto de combustível. Junto com os policiais do serviço reservado montamos uma vigilância, realizamos a abordagem e encontramos escondido no porta mala as drogas. Depois, eles contaram onde conseguiram e apreendemos mais mil”, disse.

Além dos comprimidos, foram apreendidos cinco aparelhos celulares e dois veículos – um Audi A3 e um Corsa, ambos com placas de Curitiba. Os três acusados foram encaminhados ao Centro Integrado de Atendimento ao Cidadão (Ciac-Sul).