A Delegacia de Homicídios de Curitiba divulgou novas imagens dos últimos passos da empresária Clemans Abujamra, de 51 anos, antes de seu desaparecimento, no final de semana retrasado. De acordo com o delegado Rubens Recalcatti, nas imagens de câmeras de segurança no dia 26, última vez em que ela foi vista, é possível observar a empresária subindo a Rua Saldanha Marinho, entrando à esquerda em uma rua mais a frente e caminhando em direção ao prédio.

“Não há nada provado que o crime tenha acontecido nesse apartamento, mas pelo que eu conversei com o médico legista, ela morreu cerca de 18h antes do momento em que teve o corpo encontrado”, disse. (Assista ao vídeo abaixo)

Na última sexta-feira, a DH já havia divulgado imagens do apartamento em que ela morava. Nelas é possível observar o momento que a empresária sai, conversa com o porteiro e vai de encontro a um táxi, Clemans se deslocou à casa de sua irmã, no bairro Rebouças.

O delegado confirmou que quem praticou o crime estava, possivelmente, com muita raiva. “Foram várias facadas. Provavelmente o assassinato aconteceu próximo de onde ela foi encontrada, porque ninguém fica andando por muito tempo com um cadáver”, apontou.