A quarta edição da megaoperação “Nhapecani”, que teve início às 18h de quarta-feira (24/04) e terminou às 6h desta sexta-feira (26/04), resultou na abordagem de 21.796 pessoas, sendo 82 detidas, além da apreensão de 315 veículos e no cumprimento de sete mandados. Durante as ações, os policiais também apreenderam 472 pedras de crack, 21,8 kg de maconha e 2,5 Kg de cocaína, além de 18 armas de fogo. Em Curitiba, foram mais de mil abordagens e sete pessoas presas.

Aproximadamente 4 mil agentes de Segurança Pública, sendo quase 3,1 mil policiais militares, desencadearam a operação em todo o território paranaense. A ação é comandada pela Polícia Militar e têm larga participação de mais de 300 policiais civis, 50 policiais federais e 230 rodoviários federais.

No lançamento da operação estiveram presentes o Subcomandante-Geral da PM, coronel José Vilmar Becker, o Comandante do 6º CRPM, coronel Péricles de Matos, o delegado adjunto do Centro de Operações Policiais Especiais (COPE), Danilo Zarlenga Crispim, o representante da Polícia Rodoviária Federal, Ricardo Hary Junghans, além de oficiais e praças da corporação.

“Temos obtido excelentes resultados porque é uma operação de enorme envergadura, uma grande mobilização de efetivos e recursos logísticos também, de modo que, a exemplos das anteriores, foi um sucesso”, ressalta o Subcomandante-Geral da PM, coronel José Vilmar Becker.

Segundo o delegado adjunto do COPE, Danilo Zarlenga Crispim, a Polícia Civil, dentro da sua atribuição no trabalho investigativo, deu um auxílio, junto a Polícia Rodoviária Federal e a Polícia Militar, buscando o melhor resultado contra criminalidade. “Auxiliamos nas abordagens através do cumprimento de mandados em aberto, verificação de investigações em andamento, facilitando e agilizando todo o processo”, afirma.

Durante a operação foram montados mais de 350 pontos de bloqueio, nos quais os policiais realizam batidas e abordagens, fiscalizam veículos, pessoas e estabelecimentos comerciais, em busca de armas, drogas e foragidos da justiça. No total foram empregadas mil viaturas incluindo todas as forças policiais. Somente em Curitiba e Região Metropolitana foram 150 pontos de bloqueio.

ABORDAGENS GERAL – Entre as 21.796 pessoas abordadas, 83 foram detidas, 58 assistidas e 34 adolescentes apreendidos por envolvimento com o crime. Os policiais militares ainda se depararam com 43 situações de flagrante e 13 de flagrante de ato infracional. Foram cumpridos sete mandados e vistoriados 1.048 locais. Dos 11.707 veículos vistoriados, 328, que estavam em situação irregular, foram apreendidos e outros 13 recuperados, por estarem com alerta de furto ou roubo.

Além das 14 Carteiras Nacionais de Habilitação (CNH) apreendidas, 1.206 multas por infração de trânsito foram expedidas pela PM. Os policiais ainda apreenderam 59 objetos ilícitos ou de contrabando. Das ações, 37 resultaram em assinatura de Termo Circunstanciado. Ao todo, 18 armas de fogo e 75 munições foram apreendidas em todas as regiões da “Operação Nhapecani”, além de 472 pedras de crack, 21,8 kg de maconha, 2,5 Kg de cocaína e 120 frascos de lança perfume.

A incidência de crimes violentos contra a pessoa (homicídios, latrocínios e lesões corporais) e contra o patrimônio (furtos e roubos), tanto às residências contra o comércio, assim como os casos de roubos e furtos em veículos foram reduzidos com esta ação. “Para atingir estes objetivos, a operação teve uma abrangência estadual, com a interdição de áreas de interesse policial por ações pontuais”, afirma o coronel Péricles de Matos, Comandante do 6º CRPM, Coordenador Operacional da Polícia Militar e da Operação Nhapecani no Paraná. “Durante a operação, os policiais não mediram esforços para a realização de suas atividades para assim melhor proteger a população”, completa.

Nas ações, do dia 24/04 (quarta-feira) para 25/04 (quinta-feira) foram 10.601 pessoas abordadas, sendo 37 detidas, 23 assistidas e nove apreendidas, além de 472 locais e 6.189 veículos vistoriados, deste 145 foram apreendidos e sete recuperados. Durante as ações foram cumpridos dois mandados, 11 Termos Circunstanciados, além de registradas 18 situações de flagrante e cinco de flagrante de ato infracional.

Durante estes dias, a operação resultou também na apreensão de quatro Carteiras Nacionais de Habilitação (CNH) e 581 multas por infração de trânsito foram expedidas pela PM. Os policiais ainda apreenderam 13 objetos ilícitos ou de contrabando. Ao todo foram sete armas de fogo, um simulacro e 55 munições apreendidas, além de 56 pedras de crack, 0,06 kg de maconha, 2,5 Kg de cocaína e 1.635 de outras drogas.

Nas ações, do dia 25/04 (quinta-feira) para 26/04 (sexta-feira) foram 11.195 pessoas abordadas, sendo 46 detidas, 35 assistidas e 25 apreendidas, além de 576 locais e 5.518 veículos vistoriados, deste 183 foram apreendidos e seis recuperados. Durante as ações foram cumpridos cinco mandados, 26 Termos Circunstanciados, além de registradas 25 situações de flagrante e oito de flagrante de ato infracional.

Nestes dois dias, a operação resultou na apreensão de dez Carteiras Nacionais de Habilitação (CNH) e 625 multas por infração de trânsito foram expedidas pela PM. Os policiais ainda apreenderam 46 objetos ilícitos ou de contrabando. Ao todo foram 11 armas de fogo e 20 munições apreendidas, além de 416 pedras de crack, 21,7 kg de maconha, 0,044 Kg de cocaína, 120 frascos de lança perfume e uma outra droga.

Pela PM, os batalhões especializados também participam das ações, sendo eles: o Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA), o Batalhão de Patrulha Escolar (BPEC), o Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran) e o Regimento de Polícia Montada (RPMon), os quais devem atuar em conformidade aos Comandos Regionais de onde atuam. Além deles, participam o Batalhão de Operações Especiais (BOPE), o Batalhão de Policia Guarda (BPGD) e o Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron).

RESULTADOS REGIONALIZADOS DA PM:

2º CRPM (Norte/Norte Pioneiro) – Nesta área de atuação, que compreende o 2º BPM (Batalhão da Polícia Militar), o 5º BPM, o 10º BPM, o 15º BPM, o 18º BPM, a 4ª CIPM, a 6ª CIPM e a 7ª CIPM, foram 3.373 pessoas abordadas, sendo 19 detidas, três assistidas e quatro apreendidas. Nas ações, 1.870 veículos foram abordados, destes 83 foram apreendidos e cinco recuperados. A operação também resultou no cumprimento de dois mandados, na lavratura de seis Termos Circunstanciados e em 144 estabelecimentos vistoriados.

Na região do norte/norte pioneiro foram apreendidos 0,009 Kg de maconha, 0,034 Kg de cocaína e 318 pedras de crack. Foram registrados dez flagrantes e quatro flagrantes de ato infracional, 207 autos de infração de trânsito emitidos, três CNH recolhidas e quatro apreensões de outros objetos. Além de duas armas de fogo e 11 munições.

3º CRPM (Noroeste) – Nesta área de atuação, que compreende o 4º BPM, o 7º BPM, o 8º BPM, o 11º BPM e a 5ª CIPM, foram 2.585 pessoas abordadas, sendo 12 detidas, 37 assistidas e uma apreendida. Nas ações, 1.483 veículos foram abordados, destes 16 foram apreendidos e três recuperados. A operação também resultou no cumprimento de um mandado, na lavratura de quatro Termos Circunstanciados e em 140 estabelecimentos vistoriados.

Na região noroeste também foram apreendidos 0,015 Kg de maconha e 2,054 Kg de cocaína. A operação também resultou em seis flagrantes e um flagrante de ato infracional, além de 123 autos de infração de trânsito emitidos e em 14 apreensões de outros objetos.

4º CRPM (Campos Gerais/Sul) – Nesta área de atuação, que compreende o 1º BPM, o 16º BPM, a 1ª CIPM, a 2ª CIPM, a 3ª CIPM e a 8ª CIPM, foram 5.547 pessoas abordadas, sendo 13 detidas, sete assistidas e nove apreendidas. Nas ações, 3.181 veículos foram abordados, destes 105 foram apreendidos e dois recuperados. A operação também resultou no cumprimento de um mandado, três Termos Circunstanciados lavrados e em 301 locais vistoriados.

Na região sul foram seis armas de fogo apreendidas e 12 munições. A operação também resultou em dez flagrantes e dois flagrantes de ato infracional, além de 359 autos de infração de trânsito emitidos, nove CNH recolhidas e cinco apreensões de outros objetos.

5º CRPM (Oeste/Sudoeste) – Nesta área de atuação, que compreende o 3º BPM, o 6º BPM, o 14º BPM, o 19º BPM e o 21º BPM, foram 6.415 pessoas abordadas, sendo 25 detidas, 11 assistidas e 20 apreendidas. Nas ações, 3.034 veículos foram abordados, destes 48 foram apreendidos e três recuperados. A operação também resultou no cumprimento de três mandados, na lavratura de 20 Termos Circunstanciados e em 350 locais vistoriados.

Na região oeste/sudoeste foram oito armas apreendidas, 52 munições de diferentes calibres, 21,794 Kg de maconha, 0,142 Kg de cocaína, 126 pedras de crack, 120 frascos de lança perfume e 1.636 outras drogas. Também foram registrados nove flagrantes e seis flagrantes de ato infracional, além de 238 autos de infração de trânsito, uma CNH recolhida e 32 apreensões de outros objetos.

6º CRPM (Região Metropolitana de Curitiba) – Nesta área de atuação, que compreende o 9º BPM, o 17º BPM, o 22º BPM e o Batalhão de Polícia de Guarda (BPGd), foram 2.526 pessoas abordadas, sendo sete detidas. Nas ações, 1.425 veículos foram abordados, destes 56 foram apreendidos. A operação também resultou na lavratura de três Termos Circunstanciados e em 106 locais vistoriados.

Na RMC foi apreendido um simulacro, duas armas de fogo e 28 pedras de crack. Também foram registrados quatro flagrantes, além de 177 autos de infração de trânsito e quatro apreensões de outros objetos.

1º CRPM (Capital) – Nesta área de atuação, que compreende o 12º BPM, o 13º BPM, o 20º BPM e o 23º BPM, foram 1.074 pessoas abordadas, sendo sete detidas. Nas ações, 617 veículos foram abordados, destes 20 foram apreendidos. Na capital do estado foram registrados dois flagrantes, uma CNH recolhida e na emissão de 102 autos de infração de trânsito. A operação também resultou na lavratura de um Termo Circunstanciado e em quatro locais vistoriados. Na capital foi apreendido 0,357 de cocaína. O BOPE (Batalhão de Operações Especiais) abordou 21 pessoas e 16 veículos.

NHAPECANI – A operação, que está na quarta edição, surgiu ao longo das reuniões periódicas feitas com todos os setores de inteligência e em parceria com os órgãos participantes. Outras edições da operação obedecem a um planejamento antecipado e à observação dos índices estatísticos de criminalidade, sem data específica ou horário determinado.

A terceira edição da “Operação Nhapecani”, realizada em março deste ano, abordou 33.984 mil pessoas, sendo 156 delas detidas e 41 apreendidas. Além disso, as equipes policiais vistoriaram 19.476 mil veículos, dos quais 466 foram apreendidos e nove recuperados. Mais de 10 kg de maconha e 11.149 pedras de crack também foram encontrados e 20 armas de fogo apreendidas. “Conseguimos manter os resultados positivos”, finaliza Péricles.