Um pedreiro de 35 anos, transtornado depois de uma briga com a esposa, provocou momentos de grande tensão na cidade de São José dos Pinhais, região metropolitana de Curitiba. Tudo começou por volta das 21h desta sexta-feira (26), quando o homem se desentendeu com a esposa, entrou na casa armado, se trancou e disse que iria se matar.

Juliano Cunha – Banda B
No local da ocorrência

Familiares dele tentavam contê-lo, mas em vão. A Guarda Municipal de São José dos Pinhais foi acionada e chegou ao local para dar os primeiros atendimentos. Em seguida, o COE (Comando de Operações Especiais) da Polícia Militar e um negociador também foram chamados para tentar negociar a rendição do rapaz.

O coordenador Catini, da Guarda Municipal, comentou como foi o desfecho da situação e por qual motivo o pedreiro desistiu de se matar. “Depois de um tempo de negociação, o pedreiro pediu também a presença do patrão e quando ele chegou o rapaz se entregou. Acreditamos que o patrão passava uma grande tranquilidade para ele e por isto o rapaz desistiu de se matar”, descreveu.

O pedreiro, com o patrão do lado, foi encaminhado a uma Unidade de Saúde para ser medicado.