Da Redação

Uma enfermeira filmou um homem exibindo as partes íntimas dentro de um ônibus da linha Centenário/Campo Comprido, em Curitiba, na tarde desta quarta-feira (8). O homem estava sentado em um dos bancos preferenciais e se mostrava às mulheres que estavam ao redor.

(Foto: Reprodução)

Sem saber o que fazer e com medo de denunciar o passageiro, a enfermeira decidiu gravar a cena. “Eu pensei ‘o que eu faço? Será que faço um escândalo, falo com o motorista ou gravo e tenho uma prova de que isso aconteceu?’. Tinha mais gente perto dele, não sei se ninguém viu ou todo mundo ignorou”, disse ela.

Ela publicou o vídeo, junto com a denúncia, nas redes sociais. A enfermeira explicou que teve muito medo do que o homem faria se ela esboçasse alguma reação. “Fiquei com nojo, com vontade de xingar, mas pensei o que ele faria, imagina se viesse pra cima de mim”.

De acordo com a passageira, o homem embarcou junto com ela no terminal do Centenário. Ela gravou a situação logo depois que o ônibus saiu do terminal do Vilas Oficinas.

A jovem registrou um Boletim de Ocorrência sobre o caso. Para denunciar assédio dentro dos coletivos – tanto vítima quanto testemunhas -, a prefeitura de Curitiba orienta a ligar para a Guarda Municipal, por meio do 153. De acordo com a gestão municipal, a Secretaria da Defesa Social e Trânsito vai trabalhar em parceria com a Urbs para atender essas situações.