Por Elizangela Jubanski e Daniela Sevieri

estrada-lavrinha-des

Estrada da Lavrinha. Foto: Reprodução

Um pai de 35 anos conseguiu salvar o filho de 12 anos, mas morreu afogado no fim da tarde deste sábado (13), na Estrada da Lavrinha, limite entre Araucária e Fazenda Rio Grande, região metropolitana de Curitiba. Os dois pescavam em um rio às margens da estrada com um barco. O corpo de Everton Almeida da Silva foi retirado pela família de dentro da água, mas ele já estava morto.

Os dois saíram para pescar no fim de um churrasco entre familiares. Eles pegaram um barco, mas virou, ainda sem motivo esclarecido. Segundo testemunhas, o pai conseguiu empurrar o filho para próximo da margem, mas ele ficou enroscado em uma rede de pesca e não resistiu.

O pai de Everton, Bráulio Pereira, 59 anos, confirmou que as redes de pesca eram do filho. “Ele colocou as redes de manhã e fim da tarde foi lá buscar com o meu neto. Ele disse que estava passando mal, pode ter sofrido alguma coisa antes de cair. Meu neto chegou a puxar ele, ele sabe nadar bem, então não sabemos dizer. Pode ter sido uma congestão, o barco virou, a água gelada, não sabemos”, contou. O corpo do pai foi recolhido pelo Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba.