Um homem de 44 anos foi preso durante a madrugada desta quinta-feira (2) em Piraquara, região metropolitana de Curitiba. Isaquel Alexandre é acusado de estuprar uma jovem de 25 anos. Para isso, ele se passou por policial civil. Enquanto cometia o crime, o filho de Alexandre, de 5 anos, permanecia nas proximidades, sozinho, dentro de um carro.

O soldado Guilherme, do Batalhão de Polícia de Guarda, que participou da prisão de Alexandre, explicou à Banda B como o caso começou. “Fomos acionados porque este homem deixou o veículo abandonado na Rua Getúlio Vargas com o filho dentro. Encontramos no carro munição e, quando o rapaz estava voltando, nos viu e saiu correndo”, contou Guilherme.

De acordo com o soldado, no matagal foi encontrada uma arma. “Conseguimos o abordar e próximo dele encontramos a arma. No momento em que estávamos com o suspeito na viatura foi passada uma situação de estupro de uma pessoa com as características que batiam com a dele. Por isto, nos encaminhamos até o local, onde ele foi reconhecido pela vítima”, destacou.

O suspeito, para estuprar a mulher, de 25 anos, afirmou ser um policial civil. “Ele disse que iria encaminhá-la à delegacia por tráfico de drogas, mas na verdade a levou a um local ermo onde cometeu o abuso. Esta vítima apresentava vários ferimentos pelo corpo, principalmente na região do rosto”, descreveu o soldado.

O suspeito foi encaminhado à Delegacia de Piraquara. O filho de Alexandre foi levado ao Conselho Tutelar.