Ouça o áudio

O delegado Gérson Machado, um dos investigados pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) do Ministério Público do Paraná suspeito de participar de um esquema de corrupção na Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos de Curitiba (DFRV), disse à imprensa estar ‘enojado’ com a operação deflagrada na manhã desta quarta-feira (3). Machado, que era delegado-chefe da DFRV e atualmente é o comandante do 6° Distrito Policial, afirmou que foi preso hoje por ter detido no ano passado o maior receptador de carros da Grande Curitiba.

Ouça no ícone de áudio acima a íntegra a entrevista dada por Gérson Machado nesta quarta-feira.