Soldados da Polícia Militar de Maringá caíram o queixo ao desarmar uma mulher que participou de um sequestro relâmpago na manhã desta terça-feira em uma chácara de lazer do distrito de Iguatemi, em Maringá, norte do estado. Ela dizia ter uma pistola 765 e, por baixo da blusa apontava para um e para outro.

Para ler a reportagem e ver a foto, clique aqui