Da Redação

Família foi morta na madrugada de sexta-feira (17). (Foto: Reprodução/Facebook)

Soraya Gonçalves de Resende, esposa do diretor de eventos da OAB Wagner da Silva Salgado, registrou Boletim de Ocorrência contra a irmã Simone em 18 de junho do ano passado. A informação foi divulgada pelo portal Extra neste sábado (18).

O casal e a filha, de 10 anos, foram mortos na madrugada de ontem dentro do apartamento onde moravam, em São Gonçalo, no Rio de Janeiro. Segundo a reportagem do Extra, a Delegacia de Homicídios investiga se os assassinatos têm ligação com uma briga judicial envolvendo o inventário do pai de Soraya.

Na ocasião em que fez o B.O. contra a irmã, Soraya, que é adotada, disse que postou uma foto com o pai e, horas depois, Simone fez comentários ofensivos. “Vagabunda. Agora que está morto coloca foto com mensagem que um dia vai se encontrar!! Toma vergonha na cara e conta da sua mãe que você trata como uma cachorra: Você nunca trabalhou e nem sabe o que é isso. Tinha que dar muito valor a quem te criou porque quem te pariu nem na sua cara quis olhar. Cuida enquanto está viva porque depois que morrer você não vai postar fotinha arrependida. Já passou da hora de você tomar vergonha na cara e sair das costas dela. Fica a dica” [sic], dizia a postagem.

Leia a reportagem completa aqui.