Por Luiz Henrique de Oliveira

Uma mulher de primeiro nome Célia, de 48 anos, foi assassinada com um tiro na boca na Rua Jacaranda, no bairro Rio Pequeno, em São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. Por volta das 13h30 deste sábado (9), ela percebeu que os atiradores iam em direção ao seu genro e entrou na frente deles, sendo atingida.

giro190

(Foto: Facebook Giro190)

De acordo com o guarda municipal Uéslei, que esteve no local da ocorrência, o alvo dos assassinos lavava o carro em frente a casa em que mora, quando eles chegaram. “Foi uma confusão e a Dona Célia foi atingida, provavelmente porque quis salvar o genro, que inclusive sobreviveu devido a isso”, explicou à Banda B.

Ainda segundo Uéslei, a motivação do crime deve ser uma rixa entre gangues da região. “Os atiradores seriam de uma gangue rival e talvez tenha o tráfico de drogas no meio. O certo é que o alvo não era a Dona Célia”, afirmou.

Suspeito preso

A equipe da guarda chegou logo após o crime e conseguiu deter um suspeito, que estava com a pistola 9 mm usada no crime. “Ele nega a autoria e diz que outros dois rapazes que estavam juntos foram os atiradores”, explicou o guarda.

A Delegacia de São José dos Pinhais investiga o caso.