O idoso Miguel Schimerski, de 73 anos, foi encontrado morto na tarde desta segunda-feira (13) dentro de casa na zona rural de Campina Grande do Sul, região metropolitana de Curitiba. O corpo, já em estado de decomposição, foi encontrado pela esposa dele, que havia saído de casa há oito dias para fazer um tratamento de saúde. Ele tinha marcas de agressões por todo o corpo.

De acordo com informações da Polícia Militar (PM), acionada para atender o local, a vítima morreu por causa de violentas agressões na cabeça. Ainda, a casa estava totalmente revirada. A esposa do idoso entrou em casa e viu que os cômodos estavam todos bagunçados. Ela o encontrou morto e ligou para a PM. Eles moravam sozinhos.

O casal mora há anos neste local, bairro Barra da Cruz, que fica quase 90 quilômetros de Curitiba. Para acessar o local, é necessário atravessar o Rio Capivari com uma balsa improvisada. A polícia teve dificuldades de obter informações sobre o crime, mas as evidências indicam que o matador procurava algo dentro da residência. A esposa da vítima não soube informar se algo foi levado do local. A Polícia Civil de Campina Grande do Sul investiga o caso.