Por Elizangela Jubanski e Djalma Malaquias

j.k

Testemunhas disseram que o homem pode ser um andarilho, visto constantemente na região. Foto: DJ/Banda B

(Fotos: DJ/Banda B e Freddy – Colaboração Banda B)

Um homem com cerca de 55 anos foi atropelado e morreu na Avenida Juscelino Kubitschek de Oliveira, na Cidade Industrial de Curitiba, na manhã desta quinta-feira (22). O carro que atropelou o homem fugiu e deixou destroços no meio da pista. Testemunhas disseram que o homem pode ser um andarilho, visto constantemente na região.

O acidente aconteceu quase esquina com a rua Raul Pompéia, na pista sentido bairro Campo Comprido. O momento do atropelamento foi visto por poucas pessoas, que afirmam ter visto um Fiat Palio atropelando o homem. Vários estilhaços do carro ficaram pelo chão, mesmo assim, o motorista fugiu. A vítima caiu violentamente no chão e morreu antes da chegada do Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate).

Sem identificação, o homem usa calça jeans surrada, camiseta e moletom. Em cima dele havia um cobertor, possivelmente dele.
Pessoas que acompanhavam os trabalhos da polícia estavam revoltados. “Atropela e vai embora porque é um morador de rua? Não importa, o cara tem vida né?”, disse um trabalhador que passava pelo local.

O soldado Cândido, da Polícia Militar (PM), disse a equipe fez diligências pela região, mas não encontrou nenhum veículo suspeito. “Populares já tinham bloqueado parcialmente a rua. Segundo eles, é um morador de rua e foi atropelado por um Palio de cor branca. Tem vários destroços pelo chão, a chance de o carro estar danificado é muito grande, isso pode ajudar”, disse, em entrevista à Banda B.

A avenida J.K ficou parcialmente interditada até por volta das 8h40. O trânsito é intenso no local.