Por Elizangela Jubanski e Antônio Nascimento 

A população se revoltou com a morte de um jovem trabalhador e destruiu um carro a pedradas na noite deste domingo (10), na avenida Juscelino Kubitschek de Oliveira, na Cidade Industrial. Eduardo Prestes Aguiar, 24 anos, estava em uma motocicleta e foi atingido violentamente por um veículo Siena, na alça de acesso ao Contorno Sul, na BR-376. O motorista e os passageiros fugiram a pé.

A família contou que Aguiar estava de folga neste domingo, mas recebeu uma ligação do dono da pizzaria em que trabalhava. Ele teria ido a uma borracharia para encher o pneu na motocicleta e colocar a caixinha – para fazer entregas.

No momento em que ele seguia para o trabalho, na marginal do Contorno Sul, foi atingido por esse veículo. O motociclista foi arremessado e morreu na hora. “O condutor saiu do local quando as pessoas começaram a se reunir. Quem viu o acidente ficou bastante revoltado. Segundo uma testemunha que declarou à polícia, o motorista apresentava sinais de embriaguez”, contou o subtenente Anísio.

O carro foi destruído e o motorista fugiu do local, junto com os passageiros. O corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba. O fato será investigado pela Delegacia de Delitos de Trânsito (Dedetran).