Por Elizangela Jubanski e Antônio Nascimento

As mortes no trânsito por pouco não alcançaram os assassinatos registrados na Grande Curitiba neste fim de semana pelo Instituto Médico Legal (IML). Ao todo, 25 pessoas morreram de forma violenta das 18 horas de sexta-feira até as 6 horas de hoje (12).

Desses, 11 foram assassinados e 9 morreram no trânsito. O último registro aconteceu na BR-116, no bairro Tatuquara, às 21h30 deste domingo. Pedro Emilson Machado foi atropelado no quilômetro 118 e morreu na hora. O policial rodoviário federal Bruno disse à Banda B que o motorista de um Ford Fiesta parou para prestar atendimento à vítima, mas Machado já estava morto.

A lista do IML ainda possui duas vítimas de queda, uma queimadura, um enforcamento e um na dependência de exames complementares.