Por Luiz Henrique de Oliveira e Bruno Henrique

(Na imagem, assista no canto esquerdo o momento do acidente. O Ka vinha em alta velocidade pela Av. Silva Jardim, enquanto o Corsa em velocidade mais baixa pela Alferes Poli)

A Delegacia de Delitos de Trânsito (Dedetran) divulgou, nesta segunda-feira (23), gravação da câmera de segurança de um edifício que mostra o momento em que o Ford Ka e o Corsa Classic batem na Av. Silva Jardim com a Rua Alferes Polis, na região central de Curitiba, na madrugada de domingo (22). O acidente resultou na morte de três pessoas de uma mesma família que voltava de uma formatura.  (Assista o vídeo acima)

Primeira equipe de reportagem a chegar no local do acidente, a Banda B apurou com testemunhas que o motorista do Ka, que estaria embriagado e em alta velocidade, teria furado o sinal, causando a colisão. Porém, segundo o delegado Rodrigo Brown de Oliveira, da Dedetran, ainda há duvidas quanto a isto.

acidentefora22092013

Banda B acompanhou atendimento no local da ocorrência (Foto: Antônio Nascimento – Banda B)

“Nós tomamos conhecimento agora pela manhã de imagens de câmeras de segurança e há duvidas de quem furou o sinal. Ao que parece o motorista do Corsa, onde estavam as três vítimas fatais, é quem passa de maneira devagar pelo sinaleiro que havia acabado de fechar para ele”, disse o delegado.

Apesar disto, o motorista do Ka, identificado apenas como Eduardo, foi autuado em flagrante por triplo homicídio. “Por mais que ele não tenha furado o sinal existe o agravante de estar em alta velocidade e dirigindo com suspeita de embriaguez, que só será comprovada depois de exames periciais. Além disto, a informação é que ele fez tudo isto para fugir de um acidente anterior apenas com danos materiais”, concluiu o delegado.

Eduardo está internado em estado grave no Hospital Evangélico, com risco de morte. O motorista do Corsa, único que sobreviveu no veículo, também está internado, mas sem riscos. Morreram no acidente: Lorena Camargo, de 47 anos, o neto dela, Igor Empinotti, de 9, e sua filha, Gabriele Empinotti, de 23, que era tia da criança. A família voltava da formatura de Direito da filha de Lorena, irmã de Gabriele e mãe de Igor.

Notícia Relacionada:

Motorista embriagado causa acidente e mata família que voltava de formatura; foto