Por Elizangela Jubanski e Danaê Bubalo

drogas-saojose

Para a polícia, traficante vendia drogas há muito tempo. Foto: DB/Banda B

drogas-saojose3

Celular do suspeito com mensagens de usuários. Foto: DB/Banda B

Mensagens no celular indicavam que alguns usuários ficariam sem drogas na noite desta quarta-feira (21). Marcos José Machado Lopes, 32 anos, foi preso no Jardim Itália em São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, e com ele, um telefone celular com muitas conversas de ‘compra e venda’. Ele vai responder por tráfico de drogas.

A abordagem policial aconteceu por volta das 23 horas próximo da residência do suspeito. Os policiais militares da Rotam do 17º Batalhão da Polícia Militar (BPM) abordaram Lopes, que estava em atitude suspeita.

Com ele, a polícia encontrou uma pequena quantidade de maconha. No entanto, ele confessou que na casa dele, que fica na rua Curiúva, no Jardim Pedro Mouro, havia mais droga e outros materiais ilícitos. “Ele mesmo acabou contando que tinha droga em casa. E, realmente, todo o equipamento que ele tinha em casa caracterizava bem o tráfico, inclusive, mensagens explícitas de pedidos de compras. Ele parece não ser novo no tráfico, não”, disse o tenente Pallu da Polícia Militar.

Lá, a polícia encontrou um celular com muitas notificações e mensagens. Eram usuários querendo saber da droga. “To aqui na rua da tua casa já”, diz a primeira. O suspeito responde que irá em 5 minutos. Outra mensagem diz: “Guarda 100 g para 9h, não deu para ir ontem”.

Além disso, to suspeito guardava cerca de 4 kg de maconha, uma balança de precisão e a quantia de R$ 104 em notas trocadas. Ele foi preso em flagrante e levado à Delegacia de São José.

Também

Por volta das 21 horas outro homem foi preso pela mesma equipe policial  na Rua Francisco Alves de Lima, no bairro Costeira. O acusado foi identificado como Ricardo Acir Matias, 25 anos, que foi preso em flagrante por tráfico de drogas. Com o homem foi encontrada 20 buchas cocaína e uma grande quantidade de crack.