Por Marina Sequinel e Marco Piza

Um aluno do 5º ano levou uma faca e um canivete para a aula para atacar um colega, segundo denúncia da mãe de uma das professoras do local. O caso aconteceu em uma escola municipal de Curitiba, localizada no Bairro Novo. Além dela, outras duas mães de alunos procuraram a Banda B para falar a respeito do caso. A Prefeitura confirmou a história, dizendo que o menino é conhecido por ser pacato e que levou os objetos porque estava sendo ameaçado por um colega de rua.

“Ele tinha um canivete no bolso, que entregou para a professora com muito custo, depois de ser descoberto pelos colegas, e também uma faca na mochila. Ela foi revistar a bolsa dele mas, como hoje não pode fazer essas coisas, foi chamar ajuda”, explicou a mulher, que preferiu não se identificar por medo de retaliações, em entrevista à reportagem na tarde desta sexta-feira (5).

Neste momento, o menino de 11 anos tirou a faca e conseguiu escondê-la na carteira, embaixo de um livro. Mesmo assim, ao voltar, a docente encontrou a arma e a levou para a pedagoga da escola. “A faca foi entregue para a mãe, mas nada foi feito. Outras crianças e também professores correm perigo. Quantos alunos podem fazer a mesma coisa que o estudante que esfaqueou a professora ontem?”, questionou. Segundo ela, o aluno disse à direção que tinha levado o canivete e a faca porque estava cansado de ser insultado por um colega e tinha a intenção de matá-lo.

Contatada pela reportagem, a Prefeitura de Curitiba confirmou a situação, mas reforçou que a escola agiu dentro das orientações nesses casos. Segundo o órgão, o menino é uma criança bem tranquila e pacata e disse à direção estar sendo ameaçado por um colega de rua. Como ele não tem histórico de violência, o que deve ser feito é chamar o Núcleo da Educação, o Conselho Tutelar e procurar os pais, atitudes tomadas pela diretoria. Os familiares, surpresos com a situação, foram orientados a conversar e entender o que a criança está passando, para que ela não corra mais perigo.

Professora esfaqueada

Por volta das 11h30 desta quinta-feira (4), uma professora de inglês foi golpeada por um estudante de 14 anos em um colégio estadual de Piraquara, na região metropolitana. Ela foi socorrida em estado grave, mas já está fora de perigo. Para relembrar o caso, clique na notícia relacionada abaixo.

Notícia relacionada

Aulas são canceladas e manhã é de protesto na escola em que professora foi esfaqueada por aluno

Aluno de 14 anos reclama de nota e esfaqueia professora dentro de colégio estadual