Por Luiz Henrique de Oliveira e Antônio Nascimento

A saída do Colégio Estadual Eurides Brandão, na Cidade Industrial de Curitiba (CIC), foi palco de uma troca de tiros durante o final da manhã desta segunda-feira (30). Um casal de estudantes de 15 anos foi baleado por um adolescente também de 15, em um caso motivado por ciúmes.

Em contato com o 23° Batalhão da Polícia Militar, que atendeu o local da ocorrência, a Banda B apurou que a troca de tiros nada tem a ver com uma possível discussão entre alunos. “O que aconteceu ali foi uma questão entre o menino que atirou e o rapaz e não está relacionada com a escola”, disse o soldado Paulo.

Mais tarde, a Banda B conseguiu informações mais precisas do que aconteceu. O atirador foi à escola para matar o casal, já que era apaixonado pela garota e não aceitava o novo relacionamento dela. Ele primeiramente disparou uma vez e acertou de raspão a cabeça da menina, em seguida, atirou novamente e acertou as costas do namorado dela. Antes de ir embora, o garoto ainda voltou para atirar contra a cabeça da menina.

As duas vítimas foram socorridas em estado grave ao Hospital do Trabalhador. A Polícia Civil investiga o caso e quer saber onde está o atirador. A informação é que as ameaças entre os dois já aconteciam há algum tempo.