Da Polícia Civil

Um rapaz de 24 anos, suspeito por um crime de homicídio que vitimou Rennan Hiriel Boiko, 18 anos, no ano de 2012, foi preso no final da tarde de terça-feira (16), por policiais da Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), em cumprimento de um mandado de prisão condenatório que estava em aberto. Ele foi preso no momento em que participava de uma audiência no Palácio de Justiça, no Centro Cívico.

audienciapreso

Foto: Polícia Civil

O crime ocorreu no dia 25 de fevereiro de 2012, em um bar, localizado no bairro Capão Raso. De acordo com as investigações levantadas pela equipe, o suspeito e a vítima tiveram uma discussão em razão de um desentendimento – momento em que o jovem de 24 anos efetuou diversos disparos de arma de fogo contra Boiko.

O delegado-titular da DHPP, Fábio Amaro, afirma que todos os casos da especializada são investigados. “A equipe trabalha intensamente para elucidar e responsabilizar todos os suspeitos de crimes contra a vida, como esse, não importa quanto tempo ele tenha ocorrido”, finaliza.

O rapaz está preso provisoriamente na DHPP e posteriormente será transferido para o Sistema Penitenciário, onde cumprirá pena por seis anos e sete meses.