Por Marina Sequinel e Juliano Cunha

Um jovem de 24 anos, identificado como Bruno Henrique dos Santos, foi morto a tiros no final da tarde desta sexta-feira (21) em Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. O rapaz foi perseguido pelo autor do crime e assassinado na rua Rio Ivaí, no bairro Jardim Weissópolis.

Segundo relatos de testemunhas, logo depois dos disparos, os moradores ouviram estouros de foguetes na região. Os comentários indicavam que o barulho poderia ser fruto de uma comemoração pela morte do jovem.

A tenente Esperança da Polícia Militar (PM) afirmou que tudo aponta que o motivo do crime tenha sido vingança. “Pelo o que nós apuramos, a vítima provavelmente conhecia o autor. Ele saiu de casa e correu, mas foi alvejado por pelo menos seis tiros. A polícia acredita que a ação tenha sido premeditada. É até possível que Bruno estaria envolvido com drogas”, explicou à Banda B.

De acordo com a tenente, a polícia não conseguiu identificar o elemento, mas moradores disseram que o homem era branco, de estatura média e vestia uma jaqueta preta e calça jeans. “Nós ainda temos poucas informações, mas a polícia vai continuar procurando pelo sujeito”, conclui.
O caso deve ser encaminhado para a Polícia Civil.

Notícia relacionada

Foguetes ‘comemoram’ assassinato e delegado teme por conflito entre gangues