Por Elizangela Jubanski e Antônio Nascimento

prisma

Vítima veio visitar família e morreu dormindo, dentro do carro. Foto: AN/Banda B

Um jovem de 29 anos não se intimidou com as diversas ameaças de morte que recebia e voltou para visitar a família neste fim de semana em São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. Everton Roberto Colombo foi assassinado dentro do carro onde dormia, na manhã deste domingo (4). Ele tinha várias passagens pela polícia e estava sendo ameaçado por pessoas da região. Há meses ele morava em Santa Catarina.

O crime aconteceu por volta 9 horas, na rua Celso Antônio Marochi, quando dormia dentro do carro dele, estacionado em frente à casa da irmã. Embora o Prisma fosse da vítima, o veículo estava com a documentação em nome de outra pessoa. Os atiradores cercaram o veículo e atiraram cerca de 20 vezes contra o jovem. Há marcas de tiros nas duas janelas – indicando que os assassinos estavam em, pelo menos, dois. Vizinhos não souberam precisar como os atiradores fugiram, no entanto, a Polícia Militar (PM) acredita que um carro preto dava cobertura a eles na esquina onde o crime aconteceu.

De acordo com a família, Colombo morava em Santa Catarina desde que começou a receber ameaças. Na noite de ontem, foi ao município visitar a namorada e a irmã, no Jardim Guatupê. A polícia informou que a vítima já tinha sido preso por roubo, formação de quadrilha e porte ilegal de arma.

O Instituto de Criminalística esteve no local e informou que os disparos são provenientes de uma pistola calibre 380. A vítima morreu na hora e o corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba.