A briga entre irmãos que terminou com um homem baleado e outro preso durante um almoço em família no domingo (3), no bairro Sítio Cercado, em Curitiba, foi motivada por um cadeado, de acordo com o delegado Adriano Ademir da Cruz Ribeiro, do 7° Distrito Policial (7°DP), responsável pela investigação do caso.

Enquanto Carlos Garcia da Silva, de 45 anos, está detido na carceragem do 7° DP, o irmão dele, Nelson Garcia da Silva, de 55 anos, que levou os tiros, não resistiu e morreu na madrugada desta terça-feira (5) no Hospital do Trabalhador (HT).

“Eles estavam na casa da irmã e saíram no tapa porque um queria fechar o portão com um cadeado e outro não. O Carlos foi até a casa dele pegar um revólver calibre 38 e atirou contra o Nelson. Ainda nem contamos ao detido que seu irmão não resistiu e morreu, até porque ele demonstrava certo arrependimento”, descreveu o delegado em entrevista à Banda B.

Carlos foi preso pela Polícia Militar em flagrante no mesmo dia em que cometeu o crime. Com ele, também foi encontrado o revólver calibre38 usado para atirar no irmão.