Por Felipe Ribeiro e Antônio Nascimento

Foto: Antônio Nascimento - Banda BFoto: Antônio Nascimento – Banda B

Um homem ainda não identificado morreu eletrocutado no final da tarde desta quinta-feira (20) após tentar retirar cabos de alta tensão que haviam caído na Rua Adalberto de Andrade, em Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. De acordo com a Polícia Militar, uma equipe da Prefeitura de Pinhais realizava um serviço de retirada de entulhos quando acidentalmente derrubou o poste, mas a vítima acabou ignorando a orientação de um dos servidores.

Segundo testemunhas, a vítima informou que compraria cigarro e saiu com o filho de colo. No local, ele acreditou que os fios já estavam desligados e tentou retirar, vindo a morrer eletrocutado na frente de uma criança de colo que o acompanhava.

De acordo com o secretario de Governo de Pinhais, Lukalas Nóbrega, logo após o primeiro choque, a criança tentou correr em direção ao adulto, mas foi impedida por um servidor da prefeitura. “Mesmo orientado, ele deixou a criança no chão e tentou retirar os cabos, infelizmente acabou morrendo”, comentou.

Segundo o secretário, a área é de litígio, já que o Ministério Público já determinou a transferência dos moradores para Piraquara. “Aquela é uma área de invasão na qual os moradores já estão sendo levados para Piraquara. Hoje a prefeitura tirava os entulhos de uma casa já demolida quando o poste foi derrubado. Infelizmente o transformador da Copel não desligou”, disse.

A Prefeitura de Pinhais lamentou a situação e garantiu que irá prestar todo o apoio possível para a vítima.