Por Elizangela Jubanski e Antônio Nascimento

O aparelho é um equipamento que registra o consumo de água de casas e apartamentos e possui partes em aço/alumínio. Foto: Colaboração

Dois suspeitos foram presos em flagrante no bairro Água Verde, em Curitiba, roubando hidrômetros na noite desta quarta-feira (11). Os dois estavam dentro de uma prédio abandonado, usado para acumular os objetos de roubo. A Guarda Municipal (GM) fez a prisão da dupla.

O flagrante aconteceu depois que os síndicos dos prédios ao redor do Clube Curitibano promoveram um encontro com os guardas, em uma reunião, para reportar os casos de furto constantemente. O guarda municipal Fernando Ribas explicou que os suspeitos acumulavam hidrômetros para revender ou trocar por drogas.

“A GM foi chamada pelos síndicos dos prédios ali próximo do Clube Curitibano porque os bandidos estavam levando hidrômetros. Eles estavam cometendo assaltos na República Argentina e indo para um prédio desocupado. Uma construtora comprou, vai derrubar, enquanto isso estava abrigando os suspeitos. Fomos até o prédio, fizemos uma busca e encontramos os suspeitos e vários equipamentos”, descreveu.

O aparelho é um equipamento que registra o consumo de água de casas e apartamentos e possui partes em aço/alumínio.  Os dois foram autuados por furto qualificado no 2º Distrito Policial.