Da Redação com PF

correios

(Foto: Divulgação)

A Polícia Federal (PF) em operação conjunta com a Gerência de Segurança dos Correios em Curitiba, prendeu, na manhã deste sábado (10), um servidor suspeito de desviar objetos enviados por aquela instituição.

O suspeito é um servidor que trabalha há quinze anos nos Correios e investigações apontam para a suspeita de que o desvio de 11 envelopes contendo possivelmente talões de cheques e cartões bancários seriam revendidos para terceiros para aplicarem golpes na cidade. Com o preso foram encontrados diversos documentos de terceiros.

A Polícia Federal segue com as investigações para buscar identificar se há outras pessoas envolvidas no crime. O preso que foi conduzido para a Superintendência da PF em Curitiba, responderá pelo crime de peculato e se condenado poderá pegar uma pena de até 12 anos de prisão.