Por Luiz Henrique de Oliveira e Bruno Henrique

 

homicidio-tamandaré29082013

No local da ocorrência (Foto: Bruno Henrique – Banda B)

O frentista Ademar Tavares de Mattos, de 38 anos, foi assassinado com três tiros na casa em que morava na Rua Mandirituba, no bairro Jardim Roma, em Almirante Tamandaré, na região metropolitana de Curitiba, na manhã desta quinta-feira (29). Segundo a Polícia Militar (PM), os assassinos invadiram a casa da vítima e fugiram sem serem alcançados.

O detalhe no caso é que está é a segunda morte na mesma rua em três dias. Na noite da última segunda-feira (26), o ex-segurança Daniel Ricardo, que largou o emprego por causa do crack, foi executado de forma semelhante. Por conta disto, o capitão Kléber, da PM, não descarta uma ligação entre as mortes.

“Existem informações de que seja um crime relacionado, mas ninguém quer falar com a PM e isto atrapalha. O que sabemos é que os matadores entraram na casa e dispararam várias vezes, acertando pelo menos três tiros contra o frentista. Todos os dados foram anotados e repassados à Polícia Civil do município, que investiga o caso”, afirmou o capitão à Banda B.

Notícia Relacionada:

Rapaz larga emprego de segurança por causa do crack, é assassinado e esposa acaba baleada