Por Denise Mello e Antonio Nascimento

Guardas municipais de Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, prenderam um homem com mandado de prisão em aberto acusado pelo estupro e morte da enteada em São Paulo. Elvis Olimpio da Silva, de 27 anos, foi preso em uma abordagem de rotina e só quando os guardas buscaram sua ficha criminal é que foi descoberto que ele era um foragido.

A abordagem aconteceu por volta da 1h20 da madrugada desta quinta-feira (19) no bairro Jardim Weisópolis. Silva foi abordado pelos guardas e nada foi encontrado com ele. Porém, ele estava sem documentos. “Começamos questioná-lo e o nome que ele deu não batia com as informações no sistema. Levamos o suspeito então para a delegacia e lá descobrimos que havia um mandado de prisão em aberto contra ele. Ele ficou detido”, afirmou o supervisor Sergio.

Segundo o supervisor, Silva teve o mandado de prisão emitido pelo estupro e assassinato da enteada em São Paulo. “Ainda não temos detalhes do crime, mas sabemos que ele é perigoso. Além do assassinato e estupro da enteada, ele tem na ficha policial outros dois homicídios e duas acusações de furto”, completou o supervisor.

O suspeito ficou detido na Delegacia de Pinhais e deverá ser encaminhado para São Paulo.