Por Luiz Henrique de Oliveira e Daniela Sevieri

Fiscal foi executado a tiros no Capão da Imbuía (Foto: Daniela Sevieri – Banda B)

Um fiscal de combustíveis foi assassinado na porta de casa, na noite desta quinta-feira (23), no bairro Capão da Imbuía, em Curitiba. O caso aconteceu por volta das 22h, na Rua 21 de junho, no momento em que o trabalhador estacionou o seu veículo, um Honda civic, em frente ao portão da residência.

Fiscal de combustível foi executado a tiros (Foto: Reprodução Facebook)

Informações que serão apuradas dão conta que, Fabrizzio Machado da Silva, de 34 anos, trabalhou em operações que resultaram no fechamento de diversos postos de combustíveis. O empresário chegou a ser representante no Paraná do Comitê Sul Brasileiro de Qualidade de Combustível.  Ele foi morto com dois disparos no rosto, um de cada lado.

Segundo a delegada Sabrina Alexandrino, da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), o crime foi planejado. “Fizemos levantamentos preliminares de que um veículo bateu propositalmente na traseira do carro dele. O rapaz então saiu do carro para ver o que aconteceu, quando um ocupante do outro automóvel desceu atirando”, descreveu à Banda B.

Moradores da região contaram a delegada que perceberam a presença de um veículo vermelho desconhecido nas proximidades da casa da vítima, desde as 20h. Uma das hipóteses da investigação é acerto de contas.

Comoção

Nas redes sociais, amigos de Fabrizzio fazem posts indignados e pedem pela solução do caso.