O final de semana em Curitiba e região metropolitana teve 14 casos de assassinatos, de acordo com o balanço do Instituto Médico Legal de Curitiba (IML). Entre as 18h de sexta-feira (5) e as 6h desta segunda-feira (8) foram 23 mortes violentas no total.

Além dos assassinatos, foram seis casos de mortes relacionadas ao trânsito, um caso de queda, um de enforcamento e uma morte que ficou na dependência de exames complementares.

Gari assassinado

Entre os casos que cooperaram para os números do IML está o assassinato de um gari no Jardim Alegria, em São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. Cleberson Alves Kosloski foi morto com vários tiros em frente à casa em que morava.

Antônio Nascimento – Banda B
Gari morreu na hora

Segundo o cabo Alves, do 17° Batalhão da Polícia Militar, a mãe do gari informou que o autor do crime seria um traficante da região. “Ela não entrou em detalhes e também não falou o nome deste suposto assassino. O que sabemos é que este rapaz não tinha passagens pela polícia, era pai de uma criança de um ano e também não tinha envolvimento com as drogas”, contou o cabo.

A Delegacia de São José dos Pinhais investiga o caso.