Por Elizangela Jubanski e Daniela Sevieri

angelo-gm-dentro

Jovem tinha passagens pela polícia. Foto: Reprodução

O filho de um guarda municipal que atua em Mandirituba, na região metropolitana de Curitiba, foi morto a tiros na noite desta quinta-feira (25), no Centro da cidade. Angelo Ogrodovicz, 26 anos, foi encontrado morto no meio da rua e os disparos de arma de fogo foram vistos por muitas pessoas que andavam pelo local. A Polícia Militar (PM) foi acionada, mas os suspeitos não foram encontrados.

De acordo com o tenente Pedro , o crime aconteceu por volta das 19h30 e os atiradores usaram pistola ponto 40 para a execução. “Quando a equipe chegou até o local, após uma ligação anônima sobre o homem caído no meio da rua, ele já estava morto, junto a motocicleta dele. Pelo que nos contaram, os dois atiradores também estavam em uma moto”, contou à Banda B.

Os suspeitos teriam fugido sentido bairro Queimados. O local foi isolado e a Criminalística foi acionada, assim como o Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba. Segundo os peritos, foram dois disparos na cabeça e dois no tórax. A família do jovem foi avisada sobre o crime. Angelo já tinha passagens pela polícia e essa pode ter sido a motivação do crime, um acerto de contas, segundo os investigadores. A Delegacia de Polícia da região investiga o assassinato.