Por Luiz Henrique de Oliveira e Juliano Cunha

Dia 17 de janeiro, o dia 17/01, o dia do 171, o dia do golpista, do estelionatário. Nesta sexta-feira (17), um foi preso e outro quase após tentarem aplicar golpes em Curitiba. Quem atendeu as situações foi a Delegacia de Estelionato e Desvio de Cargas (Dedec). 

171

Policiais da Dedec tiveram trabalho no dia do 171 (Foto: Reprodução Banda B)

Na primeira ocorrência, de acordo com o delegado Mateus Layola, da Dedec, foi preso um homem de 33 anos que estava comprando produtos no nome de outra empresa. “Ele aproveitava a semelhança entre os nomes para fazer a compra e a conta ia para outro empresário”, contou o delegado à Banda B.

Ainda de acordo com Layola, o suspeito não tem passagens pela polícia, mas uma ficha suja no comércio. “Agora vai ter que responde pelo crime. Ele tem uma empresa de computadores e estava levando produtos no nome da outra no valor de R$ 1,5 mil”, explicou.

Outro golpe

Outro tentativa de golpe por pouco não aconteceu no dia do 171 na capital. Um homem tentou comprar um carro de R$ 60 mil em uma concessionária usando documentos falsos. “Conseguimos impedir a venda, mas o suspeito não foi preso e estamos tentando identificá-lo”, relatou o delegado.