Por Luiz Henrique de Oliveira e Geovane Barreiro

“O negócio é pedir a Deus durante a missa para que o carro fique bem no pátio”. O relato da ouvinte que pediu para não ser identificada resume o que vem acontecendo nos últimos meses no pátio da Paróquia Senhor Bom Jesus, no Centro de Quintadinha, na região metropolitana de Curitiba. No último domingo (18), por exemplo, ela garante que foi levado um Fusca de uma fiel.

“Enquanto uns rezam outros pecam. Acontece um furto a cada dois meses e o pior é que eles pegam carros de pessoas humildes, na maldade mesmo. Já levaram Brasília, Chevette e Parati. A Polícia Militar podia dar uma atenção especial para isto.”, afirmou a ouvinte em entrevista à Banda B nesta terça-feira.

De acordo com ela, não dá para entender quem faz isto. “A gente fica até apreensiva durante a missa com medo de alguém levar o nosso carro. Parece que eles esperam algumas semanas, talvez para baixar a poeira, e voltam a agir”, destacou.

Os casos são investigados pela Polícia Civil do município que tenta identificar os ladrões de carros.