Por Felipe Ribeiro e Flávia Barros

Um empresário foi preso suspeito de matar a sócia dentro de uma casa noturna de São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. De acordo com a Polícia Civil, José Carlos Noreto de Fagundes, de 38 anos, foi detido por policiais militares no bairro Cajuru, na capital. Ele é suspeito de matar a tiros Jeanete Milani Basso, de 48 anos, crime ocorrido em outubro do ano passado.

Suspeito agora permanece à disposição da Justiça (Foto: Polícia Civil)

Segundo o delegado Michel Carvalho, o preso é bastante perigoso e estava foragido desde o dia do crime. “Ele nega o crime, embora estivesse presente na casa noturna no dia, mas logo no primeiro atendimento percebemos que ele já havia ameaçado Jeanete. Em mensagem enviada a uma colega, ela chegou a relatar que daquele dia não passaria e que o José Carlos estava perigoso”, disse.

A motivação apontada para o crime seria um desentendimento a divisão do valor em dinheiro que recebiam em dois estabelecimentos. O crime aconteceu na madrugada do dia 15 de outubro do ano passado no bairro Afonso Pena. “A vítima chegou a registrar em cartório um documento relatando as ameaças que havia sofrido do suspeito”, disse o delegado.

O empresário já possui passagens criminais pelos delitos de porte ilegal de arma de fogo, lesão corporal e violação de domicílio. O homem agora irá responder pelo crime de homicídio qualificado, podendo pegar uma pena de até 30 anos de reclusão. Ele aguarda preso à disposição da Justiça.

Notícia Relacionada: