Por Elizangela Jubanski e Daniela Sevieri

Frequentadores do Parque São Lourenço, em Curitiba, levaram um susto na tarde deste sábado ensolarado (27). Um corpo em avançado estado de decomposição foi encontrado em um dos matagais, próximo a grade da rua Professor Nilo Brandão com a Mateus Leme. A Polícia Militar e Científica foram acionadas e o Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba recolheu o corpo, que precisará dos peritos do Instituto de Identificação.

Segundo as testemunhas, a vítima estava de bruços e com um cadarço no pescoço. O aposentado Luiz Antônio, que foi o primeiro a ver o corpo, disse que se assustou com a cena. “Eu estava pegando cipó no mato e encontrei o corpo, estava de bruços, pensei que não era uma pessoa, pensei que era um boneco de malhar Judas, sabe? Me assustei muito, nossa”, contou à Banda B.

A aspirante Jéssica Moraes do 20º BPM disse que ainda não é precisa a informação sobre um possível suicídio ou um homicídio. “Testemunhas viram esse corpo e encontraram um indivíduo morto, perto de um muro. Esse corpo está visivelmente há algum tempo e só dá para afirmar, por enquanto, que é um homem. Tem uma corda no pescoço, mas não dá para constatar que é um suicídio”, finalizou.

Muitos curiosos se aglomeraram no local para acompanhar os trabalhos da polícia. A Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) aguarda a confirmação da identidade para iniciar as investigações.