estadao_conteudo_cor

Uma disputa pela herança da falecida terminou em tragédia familiar no velório da avó dos envolvidos, em Ecoporanga, norte do Espírito Santo, neste domingo, dia 11. Depois de uma discussão, um dos participantes do velório da dona de casa Maura de Oliveira sacou uma arma e matou o primo Flávio Francisco de Oliveira, de 24 anos.

O pai do rapaz e tio do suspeito, que também estava no velório e se envolveu na discussão, foi baleado e continuava internado nesta segunda-feira, 12, no Hospital Estadual Dra. Rita de Cássia, em Barra de São Francisco.

De acordo com a Polícia Civil, testemunhas disseram que os parentes discutiram durante o velório, na Capela Mortuária do município, por causa da herança de Maura. Eles já haviam tido desavenças anteriores pela mesma razão.

Um deles deixou o velório e voltou armado com um revólver calibre 38. Depois de fazer os disparos, o suspeito fugiu num automóvel que teve as placas anotadas. Pai e filho, atingidos pelos tiros, foram socorridos, mas o rapaz já chegou sem vida ao hospital.

O autor dos disparos foi procurado pela polícia, mas não foi encontrado. Segundo a Polícia Civil, um advogado entrou em contato para informar que ele vai se apresentar.