Por Luiz Henrique de Oliveira e Antônio Nascimento

O jovem Alan Henrique, de 19 anos, foi assassinado de maneira cruel durante a madrugada desta sexta-feira (20) dentro do Cemitério do Guarituba, em Piraquara, na região metropolitana de Curitiba. A cruz de um dos túmulos foi cravada no pescoço da vítima, no braço e na perna. Ainda, os assassinos colocaram o boné da vítima sobre o objeto usado como arma e cobriram o corpo, em uma espécie de ritual satânico. O detalhe é que os suspeitos de terem cometido o crime ainda passaram na casa da família de Henrique para avisar sobre o que tinha acontecido.

araucaria20082013

Corpo foi recolhido de dentro do cemitério (Foto: Antônio Nascimento – Banda B)

A tia da vítima contou à Banda B que ele havia saído ontem com amigos, sem dar muitos detalhes do destino. “Foi isto o que ele nos disse. Estão falando que vieram beber no cemitério, mas não tenho certeza. Pode ter acontecido uma discussão entre eles ali. O Henrique já tinha passagens pela polícia. É uma pena ver um jovem terminar desta maneira”, afirmou a mulher que pediu para não ser identificada.

A Delegacia de Piraquara investiga o caso. Sem gravar entrevistas, foi informado pelos investigadores à Banda B que a busca agora é pelos ‘amigos’ que estavam com Henrique e ainda foram até a casa dele avisar sobre o homicídio.