Dois suspeitos que desembarcaram no início da manhã desta terça-feira (8) no Aeroporto Afonso Pena foram presos algumas horas depois em Garuva, próximo da divisa dos estados do Paraná e Santa Catarina, com uma maleta contendo R$ 120 mil em dinheiro.

De acordo com a polícia, os suspeitos foram autuados em flagrante por corrupção e, supostamente, teriam roubado o dinheiro em Palmas, capital do Tocantins, antes de embarcarem para Curitiba.

Assim que chegaram à capital paranaense, eles embarcaram em um táxi, mas após a identificação do veículo, eles acabaram presos na BR-376. Um deles ainda tentou subornar policiais rodoviários federais e irá responder por corrupção ativa.