Dois homens foram presos pelo Serviço Reservado (P2) do 17º Batalhão da Polícia Militar com um carro roubado nesta quarta-feira (15). Munições e drogas que estavam com a dupla foram apreendidas. A dupla foi presa em casa na rua Nicola Pelanda, já na região metropolitana de Curitiba.

Durante à tarde, um sargento da P2 observou um veículo Corsa que estava com as placas clonadas. Depois de um cerco policial na rua Nicola Pelanda, próximo a Fazenda Rio Grande, o veículo foi localizado. Os policiais constataram que o mesmo carro tinha sido roubado em 2012 durante um assalto a uma residência, em Curitiba. Michael Schlenper da Cruz, 19 anos, que conduzia o carro disse aos policiais que havia comprado o veículo de outro jovem que morava na região. Na casa deste suspeito que teria vendido o veículo ao jovem, a polícia encontrou 300 gramas de crack, munição de calibre 12 e de fuzil, uma balança de precisão e objetos que podem ter envolvimento com carros roubados. Maicon Florscuk, 20 anos, foi detido.

“Nós fizemos um ponto de bloqueio e conseguimos abordar este veículo que é clonado. O verdadeiro carro com estas placas está em Matinhos, no litoral do estado. O proprietário acionou a polícia informando que tinha recebido diversas multas da cidade de Fazenda Rio Grande. E esta família, que teve o carro roubado, sofreu na mão dos marginais. Então, o crime de receptação é muito grave”, contou o tenente Rasera à Banda B.

Os dois foram presos e encaminhados a Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos, em Curitiba, para explicar o envolvimento deles no caso. Eles podem responder por receptação e tráfico de drogas.