Durante este final de semana a edição do Curitiba Country Festival 2013, na Arena Expotrade, em Pinhais, região metropolitana de Curitiba, teve 17 furtos de celular, segundo dados preliminares da Polícia Civil. De acordo com o delegado Clóvis Galvão, da Delegacia Móvel de Atendimento ao Futebol e Eventos (Demafe), este número é 150% menor em relação ao ano anterior, mas ainda assim muitas vítimas procuram a imprensa para reclamar.

Um ouvinte que pediu para não ser identificado ficou revoltado por ter perdido um Iphone 5. “É complicado, porque nós vamos para nos divertir e eles não nos oferecem a estrutura necessária. Aconteceu isto comigo e poderia ser com qualquer outra pessoa. É uma aglomeração de gente e não existiam seguranças suficientes”, protestou.

Por sua vez, o delegado Clóvis Galvão disse que na maioria dos casos a culpa é das próprias vítimas. “Os caras colocam o celular no bolso de trás, começam a pular que nem uns loucos e deixam o objeto à mercê dos ladrões. Assim fica complicado. A pessoa tem que colocar o celular no bolso da frente e não ir com a carteira. De qualquer forma, estamos investigando quadrilhas que agem nestes tipos de eventos. O que posso passar é que no ano passado tivemos 60 furtos e neste ano caiu para 17”, apontou o delegado.

A vítima que procurou a reportagem questionou os números oficiais. “Muitas pessoas nem fazem o Boletim de Ocorrência. Além disso, meu celular estava no bolso da frente e tinha muita gente lá e pouca segurança. Vou entrar no Procon-PR para buscar meus direitos, porque a estrutura do evento foi ruim”, complementou.

A Banda B entrou em contato com a assessoria da CWB Brasil organizadora do evento para falar sobre as reclamações do ouvinte e aguarda um retorno.