Por Felipe Ribeiro e Flávia Barros

Foto: Flávia Barros – Banda B

Um homem de 52 anos ficou gravemente ferido após confusão com o segurança de uma farmácia no começo da noite desta sexta-feira (3), no Centro de Curitiba. Com informações desencontradas de testemunhas, houve protesto e o segurança precisou ser levado para a delegacia suspeito de agressão.

O universitário Adriano Paulo presenciou a confusão e disse que, independentemente do que o agredido tenha feito, a violência do segurança foi desproporcional. “Alguns disseram que seria um assaltante, outros que só pediu uma informação, mas percebemos ele já inconsciente. Não sabemos quem é o certo ali, mas muitas pessoas ficaram revoltadas com a agressão. Tentaram até quebrar a vitrine para invadir a farmácia”, lamentou.

A confusão aconteceu no calçadão localizado entre a Avenida Visconde de Nácar e praça Osório, no começo da noite desta sexta-feira. O homem de 52 anos teve um trauma grave na cabeça e foi socorrido, em estado grave, por equipes do Siate. Ele foi encaminhado ao Hospital Evangélico.

Os responsáveis pela farmácia preferiram não se pronunciar sobre o caso.